Meu primeiro trabalho

Já é madrugada de segunda e eu estava aqui pensando se realmente deveria escrever esse post, até 
chegar a conclusão de que conto TUDO para vocês, então dessa vez não seria diferente. Logo depois do Enem eu tive a ideia de arrumar um emprego temporário, essas coisas no período das férias sabe? Fui na loja do pai de um amigo e semanas depois recebi um telefonema falando que eu poderia trabalhar lá. Primeiro fiquei com medo, depois animada com a oportunidade e assim que comecei percebi que tinha alguma coisa errada com aquilo tudo. Ok, tenho 18 anos e sei que tá na hora de trabalhar e ganhar meu próprio money, mas fazer algo que a gente não gosta é MUITO CHATO. Sou extremamente grata a galera da loja (trabalhei de vendedora em uma loja de sapatos), eu cresci, amadureci, criei responsabilidade a aprendi a respeitar o outro, a conviver com gente muito diferente de mim. Mas galera, como é chato acordar de manhã e ir fazer uma coisa na qual você não tem vocação e prazer algum, como é chato trabalha sábado, domingo e feriado hahaha Como é chato sobreviver em um mundo em que todo mundo quer passar por cima de você, onde quem vende mais ganha independente de estar ultrapassando o espaço do outro. Nesses poucos dias trabalhando cheguei a conclusão de que ás vezes o dinheiro é pouco perto do mal humor e da vibe negativa que você vai se inserir. Tenho certeza de que é bem melhor ganhar menos, mas trabalhar em algo que te dê prazer, que te faça feliz e realizado. Junto com todo esse estresse de primeiro emprego veio a nota do enem e a inscrição do vestibular, dai tive notas para vários cursos aqui perto da minha cidade, mas infelizmente o que eu queria não rolou. Meus pais pediram para eu fazer ciências econômicas, administração e vários outros cursos em que eu provavelmente passaria e dai fiquei pensando que se não consegui trabalhar em algo que não gosto por um mês e meio, imagina a vida inteira. Ás vezes a gente pensa que o dinheiro fala mais alto, que o carro zero e a casa nova compensam, mas só passando para ver que não vale a pena. Não vale a pena gastar seu tempo e se acabar fazendo algo que não gosta e foi esse o principal motivo desse post. Queria compartilhar com vocês essa minha experiência e esse meu aprendizado. Vai trabalhar, estudar e se dedicar fazendo o que você AMA, a vida é uma só para gastar metade dela sendo infeliz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário